sexta-feira, setembro 15

Selectividade

Na análise aos atentados terroristas e a todas as suas consequências, ambos os lados conseguem contribuir para o debate com os mais variados argumentos. Porém, por mais que se o faça, nunca se chegará a uma grande conclusão. Ambos os lados tenderão a relativizar a relevância dos factos apresentados pela outra parte, mesmo que aceites na generalidade, para enfatizar os seus factos.

Aliás, raramente um qualquer acto tem apenas consequências boas ou más. Como qualquer processo complexo, possui uma enormidade de efeitos directos e não-directos cuja benevolência é, por vezes, difícil de analisar.

Assim, por mais controladas que sejam as variáveis que influenciam as opiniões (e.g. ideologia, preconceito, conveniências pessoais..), a resposta a qualquer tentativa (de ambos os lados) para refutar os argumentos contrários será sempre um sim, mas...

Nota: Este texto estava em draft antes da discussão subterrânea neste post. Não é uma resposta (já a deixei na caixa de comentários) mas talvez a mensagem possa ser aproveitada. Por todos.

malta com binóculos

Enviar um comentário

<< Home