segunda-feira, agosto 7

Apesar da exploração das multi-nacionais

Na revista Economist desta semana, em artigo sobre o progresso do Vietname.

Em 1986 o partido comunista vietnamita decidiu começar a liberalizar a sua economia, abandonando o planeamento central, em parte inspirando-se na China. Em 2000 assinou um importante acordo de comércio bilateral com os EUA, depois de em 94 estes últimos terem levantado o seu embargo.

O resultado da abertura já seria de prever: a «exploração do homem pelo homem»; multi-nacionais como a Nike motivadas apenas pelo lucro abrem centenas de sweatshops; incorporação do Vietname numa globalização sem escrúpulos manipulada pelo Grande Satã, os EUA. A tradução em números desta funesta realidade está na imagem. Uma outra globalização é possível!

malta com binóculos

Enviar um comentário

<< Home