segunda-feira, julho 10

Vergonhoso

A mesma FIFA que justificou a ausência de Ronaldo do lote dos melhores jogadores jovens com a falta de fair play, nomeadamente pelos seus "mergulhos" e pelo envolvimento no lance da expulsão de Rooney, escolheu Zidane, el toro, para melhor jogador do Mundial.

Alguns sites de informação têm referido que o prémio foi atribuído apesar da expulsão. Só isto. Como se a mesma tivesse tido como causa uma falta mais feia ou uma acumulação de amarelos. Mas não. O cartão vermelho surgiu a punir uma agressão, quem sabe inédita, na alta competição. Uma autêntica marrada. Compreende-se que se tenha feito de tudo para ajudar Zidane, sem dúvida um dos melhores jogadores de sempre, a acabar a carreira em beleza. Mas a incoerência é de tal modo gritante que, mais do que o incidente, na História ficará também a opção da FIFA em distinguir como melhor jogador do torneio um homem que agride um colega de maneira desumana.

P.S. - A Portugal calhou o galardão de equipa mais atraente.

malta com binóculos

  • Correcção: Ronaldo esteve no lote dos melhores jogadores jovens do Mundial, simplesmente não ganhou (penso que o Podolski até mereceu ganhar); eu apostava no Cannavaro para ganhar a Bola de Ouro (ficou em 2º), mas a verdade é que neste caso a culpa não é da FIFA, pois quem elege o vencedor são os jornalistas que estiveram no evento.

    By Blogger Gonçalo Martins, at 2:29 da tarde  

  • Para ver os vídeos das equipas que praticaram melhor futebol:

    http://fifaworldcup.yahoo.com/06/en/w/met.html

    By Blogger Gonçalo Martins, at 4:13 da tarde  

  • É o efeito Scolari: para tudo há uma explicação conspirativa, a FIFA é uma associação de malfeitores que, em salas enfumaradas, conduz o futebol baseada em preconceitos. Agora até é culpada da decisão de 4000 jornalistas...

    By Anonymous Anónimo, at 6:19 da tarde  

  • Eu não acho injusto que o Zidane tenha ganho, apesar de o fair-play ser um dos critérios (mas preferia o Cannavaro)...simplesmente disse que a FIFA não pode ser culpada por uma coisa em que nem teve participação. E já agora, irrita-me que quando é para fazer críticas exista sempre um anonymous qualquer, que até penso que é sempre o mesmo.

    By Blogger Gonçalo Martins, at 6:33 da tarde  

  • Co-correcção: Por "lote de melhores jogadores" entenda-se "três melhores". Seja como for, mantém-se o ponto importante: o fair-play.

    Quanto à outra questão, o anónimo (seja ele quem for) estava a apoiar-te e a criticar-me.. No entanto, achar que os jornalistas são pessoas independentes e sem nenhuma subalternização à FIFA é demasiado ingénuo..

    By Blogger Tiago Alves, at 7:39 da tarde  

  • A questão aqui não é se foi a FIFA mas sim como é que a FIFA DEIXOU que um jogador que na final vista por milhões de pessoas andou à marretada noutro jogador (por mais mal que ele tenha falado da sua irmã) fosse eleito o melhor do mundial. Os jornalistas podem ser independentes mas a FIFA tem sempre uma palavra a dizer e se queria manter a coerência não devia permitir que tal coisa acontecesse.

    By Blogger Ana Sanches, at 7:49 da tarde  

  • Quando Portugal ganha o galardão de equipa mais atraente e empolgante, isso diz bem da qualidade do futebol que se praticou neste Mundial. Jogámos bem e com muito querer, mas estivemos bem mais espectaculares em 2004 e conseguimos fazer melhor.

    By Blogger Fixe, at 10:12 da tarde  

  • Não concordo.

    A cabeçada de Zidane foi um erro tremendo onde o mais prejudicado foi ele que terminou uma brilhante carreira desta forma. Mas foi, e isto é importante, castigado. Ao contrário do Figo que continuou em campo. Ou é uma questão de intensidade ? Sabemos que não. É uma questão do árbitro ver ou não ver.

    Considero também que a FIFA teve em consideração o terminar da carreira, o que foi correctíssimo. Nos próximos dias vai ser lembrada a cabeçada, mas daqui a uns anos só vai sobrar o magnífico jogador que foi.

    No caso do Ronaldo, e pondo de lado as pressões da Inglaterra, o Fair Play é uma componente que deve ter, e pelos vistos tem, muito maior peso na classificação dos jogadores. Presume-se que os jogadores estão em formação, sem "vícios", seja de agressões seja de mergulhos. E nós vimos, claramente visto, que o Ronaldo fartou-se de mergulhar. Não foi o único ? Pois não, mas o candidato ao prémio era ele.

    By Blogger Mário Almeida, at 10:49 da tarde  

  • "No entanto, achar que os jornalistas são pessoas independentes e sem nenhuma subalternização à FIFA é demasiado ingénuo.."

    Claro! Estamos a falar da FIFA de Blatter. ugghhh.

    By Blogger Elise, at 1:16 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home