sábado, julho 15

Forretismo

Um dos efeitos secundários da interiorização de conceitos económicos, como o custo de oportunidade, é que se pensa sempre 10 vezes ou mais antes de comprar o que quer que seja sobre se é o melhor uso que podemos dar ao dinheiro. Depois de pensar essas 10 vezes voltamos a pôr o produto onde estava e vamo-nos embora, certos que, com tantos usos possíveis para dar ao dinheiro, há-de haver algum melhor que aquele.

O problema é que essa tal melhor alternativa é uma lenda, um mito. Nunca a vamos encontrar. Como os leprechauns e os potes de ouro no fim dos arco-iris. O resultado é que se poupa muito dinheiro, mas desperdiçam-se vários momentos de gratificação instantânea que fazem as felicidades de tanta gente por aí.

Mais alguém padece desta condição e a queira partilhar nos comentários?

malta com binóculos

  • Não estás sozinho Manuel. O facto de termos mais informação leva-nos sempre a fazer uma ponderação mais cuidada. Não penso que seja um problema ou que se possa apelidar de forretismo.

    Apenas reflecte uma melhor compreensão de como funciona o sistema de preferências. O que antes se fazia instantaneamente agora faz-se em consciencia.

    E neste momento está o prof Pinto Barbosa a sentir um qualquer fluxo de energia com esta nossa "conversa"

    By Blogger Tiago Alves, at 1:27 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home