quarta-feira, maio 24

Interpretações

É perfeitamente legítimo que os jornais possam, na pessoa do seu corpo editorial e no espaço próprio para o efeito, tomar partido por uma ou outra força política. Mesmo partindo da base de que cada pessoa é uma pessoa, e que cada editorial é assinado por um dos membros do conselho, é razoável considerar que aquela opinião é a opinião do jornal. Já se percebeu, em Portugal, de que lado está quem. Tal entendimento não resultou, porém, de um editorial aberto ou de uma tomada de posição, mas de uma interpretação selectiva de notícias ou entrevistas, das quais se fez manchete.

Assim como o Expresso aproveitou o "cansaço ao fim do dia" de Freitas do Amaral para anunciar que "Freitas está cansado de ser MNE", também hoje o DN, a exemplo de outras edições, publica uma capa onde anuncia que "A OCDE prevê recuperação económica em 2007", exibindo depois, no interior, um completo texto onde as perspectivas não podiam ser piores:

Começam logo com o desmentido da capa, lendo-se que "se os esforços de consolidação orçamental ficarem abaixo do esperado e o crescimento dos salários superar o da produtividade, até a retoma moderada antecipada para 2006 e 2007 poderá ficar ameaçada". A OCDE estima ainda que "o desequilíbrio das contas públicas portuguesas se cifre em 5% do PIB em 2006 e 4,5% em 2007, ao passo que o Governo ambiciona chegar aos 4,6% em 2006 e 3,7% em 2007". Como cereja final, a conclusão remete para "um empobrecimento face aos seus parceiros europeus durante mais de dez anos".

Transformar tudo isto numa capa daquelas é obra! Parece que alguém no DN gosta muito de José Sócrates, assim como alguém no Expresso não gosta nem um bocadinho. Não há nada de mal nisto. O mal é usar o espaço de informação (a capa, o instrumento de maior visibilidade, lida por um grande número de pessoas que não lê depois a notícia completa) e não o espaço de opinião (o editorial, por exemplo) para demonstrar o lado preferido da barricada. Nisto sim, há algo de mal.

malta com binóculos

  • Eu nunca achei os jornalistas as pessoas mais inteligentes da Terra, porque acho que são uns tipos um bocado frustrados que pensam que vão mudar o mundo e depois acabam a tirar cafés a alguém enquanto não os deixam escrever umas cosinhas para a Dica da Semana, que é aquele jornal de referência. Mas sem dúvida que sabem vender como poucos... é pena que só saibam vender jornais!

    By Blogger JP, at 8:48 da tarde  

  • Os proverbios 7:2 "meu filho, mantêm minhas palavras , e colocam meus commandments com thee".

    By Anonymous Anónimo, at 1:58 da tarde  

  • Osproverbios 7:2"meu filho, mantêm minhas palavras, e colocam meus comandments com thee".

    By Anonymous Anónimo, at 2:01 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home