quinta-feira, março 2

A propósito

Ainda a propósito dos cartoons, a bancada municipal do PSD Barreiro apresentou, na última sessão municipal, a moção "Liberdades", relacionada com a polémica e apelando a um voto de repúdio pelos atentados à liberdade de expressão, religião e informação. O texto, apresentado por Pedro Gomes, líder da JSD local, foi chumbado pela maioria comunista.

Não deixa de ser engraçado que uma bancada que, como disse o Pedro Gomes, "está sempre a defender a liberdade, a democracia e a Constituição da República", vote contra uma moção deste género. Além disso, os deputados da CDU ainda entenderam chumbar o voto de congratulação e de votos de bom trabalho a Cavaco Silva, também apresentado pelos sociais democratas, que contou com a abstenção das outras forças (o Bloco e o PS). São definições de democracia bem estranhas, as destes deputados.

Mais informações aqui

malta com binóculos

  • Esperemos que a bancada do PSD tenha as suas noções de democracia bem presentes na hora de decidir, em vez das noções de vingança. Ainda assim acrescento que de uma maioria comunista não se pode esperar muita coisa...

    By Anonymous Anónimo, at 1:38 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home